Obturador Mecânico X Eletrônico

Vamos descobrir quais as vantagens de cada tipo de obturador para que você possa desfrutar ainda melhor das suas câmeras de filmagem ou câmeras de fotografia.





O obturador mecânico é um mecanismo que serve para permitir e bloquear a luz que entra na câmera. É esse movimento que faz com que o sensor capte a luz que entrou, gerando a foto. O tempo que essas lâminas permanecem abertas, em conjunto com a abertura do diafragma, determina o quanto de luz chega ao sensor. O tempo de abertura pode ser de frações ínfimas de um segundo, até muito mais de 1 segundo.


Os dois tipos mais comuns de obturador mecânico para câmeras profissionais são o plano-focal e o folha. O plano-focal é de formato retangular, com lâminas dispostas na horizontal ou vertical que abrem de forma alternada ou concomitante, dependendo da velocidade programada, para barrar/permitir a entrada de luz. Já o folha parece muito um diafragma. São lâminas em formato de onda que se sobrepõe no perímetro de um círculo, cujo movimento pivotante destas em direção ao centro faz o obturador fechar.





Dito isso, o obturador não passa de um mecanismo composto de diversas partes que acabam por pesar e ocupar um certo espaço interno seja em câmeras de filmagem, câmeras profissionais, câmeras fotográficas. Seu movimento gera ruído, o que pode ser ruim dependendo da situação, e gera também um micro tremor, o que em algumas situações também pode ser algo negativo.


Já o obturador eletrônico nada mais é do que o ligar e desligar do próprio sensor. Isso retira o peso e espaço ocupados por um obturador mecânico. Consequentemente, não há ruidos nem tremores. Com eles é possível alcançar velocidades muito maiores, como 1/32.000 seg. e frequência de disparos muito maiores como 30fps.


Porém, existe um certo empecilho nessa tecnologia. Quando o sensor ativa esse processo, ele não faz essa operação de ligar/desligar de uma vez, e sim linha por linha. Isso significa que os dados da imagem lidos com um certo atraso do topo até a base da imagem, em geral 1/200seg, o que em quase todos os casos não causa nenhum problema, porém em alguns sim.


Caso queira filmar ou fotografar em condições de pouca luz, com o objeto se movendo rapidamente, ou você queira compensar na velocidade porque abriu muito o diafragma, por exemplo para ter menor profundidade de campo, você vai precisar usar velocidades ainda menores do que se você estivesse usando um obturador mecânico.


Por essa mesma razão do processamento de linha por linha, que algumas luzes LED, que piscam numa velocidade que nosso cérebro não consegue registrar, podem causar um padrão de claro-escuro-clar-escuro em algumas situações.


E é nisso que o obturador mecânico ganha, como ele de fato processa a imagem toda de uma vez, acaba tendo menos distorções nessas situações descritas aqui e algumas outras.


Enfim, se você é um fotógrafo em busca de qual câmera profissional de fotografia ou cinegrafista, em busca de qual câmera profissional de cinema usar, agora já tem alguma ciência a mais para poder basear suas decisões. Espero que esse conteúdo o tenha ajudado. O que precisar de nós, a Orbe Cam estára disposta ajudar. Obrigado!


1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo